Aprenda a tocar violão do zero (aula para iniciantes)

O violão é um dos instrumentos mais populares e bonitos que existem. Além disso, é barato, fácil de transportar e ainda faz o maior sucesso em uma roda de amigos!

Por isso, parabéns, você está fazendo uma ótima escolha ao aprender violão. Preparamos o melhor conteúdo nesse artigo para você já começar a fazer seus primeiros acordes e tocar sua primeira música de um jeito simples e descomplicado ?

Então, aqui começa sua primeira aula de violão, os primeiros passos para iniciantes são:

#1 Conheça as partes do instrumento

Você não precisa decorar todas as partes, mas aprender pelo menos as partes principais é importante para poder acompanhar uma aula de violão. Confira abaixo a nomenclatura básica das partes principais (mão, tarraxas, braço, casas, trastes, corpo, boca e cavalete):

partes do violão

#2 Escolha o violão certo

Existem basicamente dois tipos de violão: de nylon e de aço. Para iniciantes, o ideal é começar a tocar com um violão de nylon, pois o nylon é mais macio e facilita a execução (você não precisa pressionar as cordas com tanta força). Essa escolha vai facilitar bastante seus estudos.

É possível comprar um bom violão de nylon para iniciantes na faixa dos R$ 300,00 a R$ 500,00 (você não precisa investir caro logo de início, aprenda primeiro a tocar coisas simples com um violão de estudo e depois que você já estiver mais experiente, escolha um violão que atenda melhor seus novos desejos musicais).

#3 Aprenda a segurar o violão antes de tocar

Você pode apoiar o violão na perda direita ou na perna esquerda. Posicionar na perna esquerda é mais indicado para quem quer tocar música clássica, mas a maioria dos violonistas, principalmente quem toca música popular, segura o violão na perda direita, deixando-o levemente inclinado para permitir uma boa postura das duas mãos.

Por isso, indicamos que você comece segurando na perna direita.

Procure deixar seu peito reto para permitir uma boa respiração e movimentação livre dos braços, como na imagem abaixo:

segurando o violao

#4 Veja a numeração dos dedos

A numeração dos dedos utilizada para a mão esquerda é a seguinte:

dedos violão

Repare que os dedos são numerados de 1 a 4, começando pelo dedo indicador (número 1) até o dedo 4. Essa numeração é muito útil para indicar a formação de acordes, mostrando qual dedo deve pressionar cada corda em cada casa. Logo a seguir isso ficará mais claro quando estivermos formando os acordes com a mão esquerda.

#5 Toque com a mão esquerda pela primeira vez

A mão esquerda (para os destros) é a responsável por fazer os acordes e as notas. A definição de acorde é diferente de nota, pois um acorde é a união de várias notas tocadas ao mesmo tempo (enquanto nota é o elemento mínimo do som). Um acorde pode ser representado da seguinte forma:

acordes para a mao esquerda

Onde os números nas cordas representam os dedos da mão esquerda com a numeração que já vimos no passo #4. Esses dedos devem pressionar as respectivas cordas nas suas respectivas casas indicadas na figura. O número à esquerda do desenho (destacado em verde logo abaixo) informa qual a casa do instrumento que aquele acorde deve ser executado:

casa do violão numeração

Nesse caso, estamos tocando o acorde de dó maior, onde a primeira nota é tocada na primeira casa do violão. Veja agora como esse mesmo acorde acima seria montado no violão com a mão esquerda na prática:

montando o acorde com a mao esquerda

Para conseguir posicionar seus dedos dessa forma, o ideal é que seu polegar esteja posicionado da seguinte forma:

posição do polegar mao esquerda

Repare que é preciso fazer um pouco de força ao pressionar os dedos nas cordas, para que o som saia limpo e claro. É normal que você sinta um pouco de dificuldade para formar seu primeiro acorde, pois se você não está acostumado a usar os dedos para tocar violão, seu cérebro ainda não sabe otimizar o posicionamento e a pressão. Mas isso você vai conseguir rapidamente com a prática.

Depois de alguns dias formando seus primeiros acordes com a mão esquerda, os dedos irão se acostumar com a força correta e você vai conseguir tirar um som perfeito sem esforço e sem dificuldades. Não desanime!

*Obs: Uma dica interessante é tentar formar os acordes perto dos trastes, para facilitar e exigir menos força. 

Outro detalhe importante é posicionar os dedos em formato de “gancho”, para evitar que eles encostem em outras cordas acidentalmente, como na figura abaixo:

dedos pressionando cordas mão esquerda em formato de gancho

Sobre a numeração das cordas do violão, o certo é contar de baixo para cima (a corda mais aguda é a primeira e a corda mais grave é a 6ª). A nota de cada corda é a seguinte:

  • 1ª corda: mi
  • 2ª corda: si
  • 3ª corda: sol
  • 4ª corda: ré
  • 5ª corda: lá
  • 6ª corda: mi

*Obs: existem duas cordas mi, uma grave e outra aguda, pois elas estão em oitavas diferentes. Para entender o conceito de oitava, leia esse artigo.

#6 Faça seus primeiros acordes e aprenda as cifras básicas

Às vezes pode parecer difícil saber como começar a tocar de verdade (parte prática, sem teorias), mas você precisa entender que tocar violão se resume a fazer acordes na mão esquerda ao mesmo tempo em que você faz ritmos na mão direita. Então, para aprender a tocar, você precisa memorizar alguns acordes básicos na mão esquerda e pelo menos um ritmo (ou batida) na mão direita, para conseguir tocar uma música completa. Nesse processo, o mais recomendado é aprender o básico na mão esquerda primeiro e depois encaixar com a mão direita, de forma coordenada.

Agora que já sabemos como posicionar a mão esquerda corretamente, podemos conhecer os acordes mais comuns usados no violão. Com esses acordes, você já será capaz de tocar milhares de músicas, então é importante tentar montar cada um deles e memorizar sua formação, para ter agilidade na hora de trocar de um acorde para outro.

Já aprendemos no passo #5 a tocar o acorde de dó maior. Confira abaixo outros acordes importantes que você já pode memorizar (abaixo de cada acorde indicamos sua nomenclatura e cifra entre parênteses):

re maior
Ré maior (D)
la maior
Lá maior (A)
sol maior
Sol maior (G)

Repare que cada cifra dos acordes é representada por uma letra, conforme a lista abaixo:

C –> dó

D –> ré

E –> mi

F –> fá

G –> sol

A –> lá

B –> si

Essa é a notação para os acordes maiores. Os acordes menores recebem um “m” ao lado da letra. Por exemplo: Em (mi menor). Veja abaixo a diferença dos acordes de mi maior para mi menor:

mi maior
Mi maior (E)
mi menor
Mi menor (Em)

Durante as músicas, você vai precisar ser capaz de trocar de um acorde para outro com uma certa rapidez. Portanto, comece trocando um acorde depois do outro, o mais rápido que puder.

#7 Aprenda a tocar com a mão direita

A mão direita é a responsável pelos ritmos (batidas) da música. Enquanto a mão esquerda está executando os acordes, a mão direita faz o ritmo, formando dessa forma a harmonia da música. Para entender melhor a diferença entre melodia, harmonia e ritmo, leia esse artigo.

A mão direita faz movimentos para cima e para baixo. Esses movimentos são representados por flechas. Ao ver as flechas e conhecendo a música, você é capaz de acompanhar o ritmo e fazer a levada conforme a música pede. Logo a seguir (no passo #9), veremos como aplicar tudo isso na prática. Por enquanto, repare que a notação de tocar para cima ou para baixo é feita da seguinte forma:

mao direita tocando

#8 Escolha entre tocar com ou sem palheta

Para tocar violão, você pode usar uma palheta (indicado para ritmos mais agitados e principalmente para violões de aço), ou sem palheta. Quando não usamos palheta, é possível tocar batidas de sobe e desce e também dedilhados, que é outra técnica interessante.

A forma correta de se segurar uma palheta é a seguinte: coloque a palheta de forma paralela ao seu dedo indicador da mão direita, e pressione com o dedão como quem está segurando uma pinça. Confira na imagem abaixo para facilitar a visualização:

como segurar uma palheta

#9 Toque sua primeira música completa

Para tocar uma música, você precisa sincronizar a mão esquerda junto com a mão direita, trocando de acordes à medida em que faz o ritmo com a mão direita. No vídeo abaixo, ficará fácil juntar tudo aquilo que você aprendeu até aqui e colocar em prática, pois o objetivo do vídeo é justamente levar o aluno do zero até o ato de tocar sua primeira música no violão:

*Obs: o ideal é saber afinar o violão para poder tocar, mas felizmente hoje você pode afinar o violão com qualquer aplicativo para celular, tocando uma corda de cada vez e apertando ou afrouxando as tarraxas conforme o aplicativo indicar. Com o tempo, você pode aprender a afinar de ouvido também, mas não se preocupe tanto com isso agora. 

#10 Organize seu estudo para evoluir

Tocar violão é uma arte que exige dedicação. Na realidade, não é diferente de outro instrumento musical nesse aspecto: é preciso reservar um tempo para praticar. Mas não se preocupe, é um erro pensar que você precisa de horas de estudo diárias para evoluir. Com apenas 10 ou 15 minutos por dia, é possível ver bastante progresso, e em poucas semanas você já se sentirá um músico.

Para organizar sua agenda de estudo, primeiro entenda que é mais importante a frequência do que a intensidade. Isso significa que é melhor tocar 15 minutos por dia durante 7 dias, do que tocar 6 horas em um único dia na semana.

Tente separar um horário fixo por dia para praticar e saiba o que treinar antes de pegar o violão, para evitar a perda de tempo. O ideal nesse caso é ter um cronograma de estudos, sabendo exatamente o que estudar e o passo-a-passo a se seguir, com metas, para evoluir dia após dia. Sem isso, você pode ficar meio perdido(a) e até desanimar.

Nosso curso completo de violão da equipe Descomplicando a Música foi pensado dessa forma, cada aula cuidadosamente preparada para que o aluno consiga se organizar e evoluir uma etapa de cada vez, começando do nível zero e terminando o curso tocando violão em um bom nível, capaz de pegar qualquer música. Clique na imagem abaixo para conferir (esse é o material mais didático que você poderia encontrar):

*UM PRESENTE ESPECIAL TEMPORÁRIO: se você quer aprender violão no período de férias de verão 2024, use o código de desconto VOUAPRENDER:

curso de violão completo

Outros artigos relevantes: